Sintratel-Ceará fecha Acordo Coletivo de Trabalho 2017 com GTEL Contact Center

O Sindicato dos Trabalhadores em Telemarketing e Empregados de Empresas de Telemarketing do Estado do Ceará (Sintratel-Ceará) realizou um Acordo Coletivo de Trabalho (ACT) com a empresa GTEL Contact Center. O ACT foi publicado no Sistema Mediador do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) no dia 01 de janeiro.

O acordo prevê a data-base para o dia 1º de janeiro e prevê o piso salarial da empresa em R$ 990,00 para operador de telemarketing e R$ 1.484,00 para supervisor de telemarketing e atendimento. Para os funcionários que ganham acima do piso, os salários serão reajustados no valor de R$ 7,58%. O vale-alimentação para os trabalhadores  com a jornada de trabalho de seis horas será no valor de R$ 17,00 e para aqueles que possuem carga horária superior a seis horas será de R$ 22,00.

Para Jean Carlos, diretor do Sintratel-Ceará e da Federação dos Trabalhadores, Empregados, Empregadas no Comércio e Serviços do Estado do Ceará (Fetrace), “o acordo com a GTEL, ele abre uma série de acordos que o Sintratel está trabalhando para fazer ainda nos três primeiros meses. A direção do sindicato negocia mais de 20 instrumentos coletivos de trabalho, dentre acordos e convenções”.

Sobre a negociação com a empresa, Jean enfatiza “que a negociação teve reposição salarial, composta entre a inflação calculada através do Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) e ganho real em um ano que teve tanta dificuldade”.

Acesse o acordo coletivo entre o Sintratel e a GTEL para o ano de 2017 (clique aqui).

Leave a Comment