Denúncias trabalhistas agora podem ser feitas via aplicativo pelo celular

Taí uma coisa bem útil para se ter no celular – se você é trabalhador ou trabalhadora ou se preocupa minimamente com o bem comum, é claro.
O Ministério Público do Trabalho lançou um aplicativo para smartphones e tablets para que qualquer pessoa ou instituição possa enviar denúncias de desrespeito aos direitos de trabalhadores como trabalho escravo, trabalho infantil, discriminação, exposição a risco de acidentes de trabalho ou doenças profissionais, fraudes nos contratos de trabalho, atentados contra a liberdade sindical, entre outros.
O app “MPT Pardal” está disponível para Android e, em breve, para iOS e outros sistemas. O envio da denúncia garante o sigilo do denunciante e o encaminhamento para investigação por parte da instituição.
Para baixar o aplicativo, clique aqui.
O aplicativo requer que imagem, vídeo ou som sejam enviados como evidências junto com a descrição do problema. Depois, é possível acompanhar os desdobramentos do aviso.
De acordo com o procurador geral do Trabalho, Luís Antônio Camargo, “o Ministério Público do Trabalho espera avançar ainda mais no enfrentamento ao trabalho escravo, trabalho infantil e exploração sexual de crianças e adolescentes” com o aplicativo. “Nossa perspectiva é uma maior agilidade no combate a tais mazelas, em conjunto com nossos parceiros, em especial, no primeiro momento, a Polícia Rodoviária Federal.”
A PRF deve usar o aplicativo no combate à exploração sexual comercial de jovens com menos de 18 anos, trabalho escravo e transporte irregular de trabalhadores em estradas.
Para baixar o aplicativo, clique aqui.
Fonte: Blog do Sakamoto – Por Leonardo Sakamoto

Leave a Comment